quinta-feira, 25 de outubro de 2018

Quem é vivo...


Quem é vivo sempre aparece, estou bem e vivendo um dia de cada vez. Tentando não pensar muito no amanhã... Querendo não surtar pois viver é por demais assustador.
Nestes dias que não dei o ar da graça li livros muito bons como Mulherzinhas, As virgens suicidas, A cabana do pai Tomás entre outros. Li também dois contos da Lígia Fagundes Telles do livro Antes do baile verde. Estou vendo a série One Tree Hill sim é antiguinha mas me remete a época da minha adolescência e enquanto eu escrevo esse texto percebo que estou sentada em um chiclete que a caçula deixou na cama, coisas da vida.






Amo tanto essa série. Então é isso beijos

Nenhum comentário:

Postar um comentário